FAQ

Sobre o espetáculo

Você será levado a uma viagem através de épocas magníficas da história chinesa, bem como de períodos mais recentes da China. Histórias e lendas antigas, tradições étnicas e folclóricas, vilões e heróis ganharão vida no palco através da dança clássica chinesa, da música ao vivo e de deslumbrantes cenários digitais. Você pode esperar uma experiência como nenhuma outra, uma que não apenas entreterá, como também será enriquecedora e inspiradora.

O show do Shen Yun tem aproximadamente duas horas de duração, mais o intervalo. Em cada apresentação, há cerca de 15 coreografias de dança, variadas em termos de ritmo e estilo. Algumas danças são contos baseados na antiga história chinesa ou sua mitologia, outras são baseadas na história chinesa contemporânea e outras visam a caracterizar as formas de dança de diferentes dinastias.

A orquestra ao vivo toca músicas originais que acompanham cada uma das danças. Mestres de cerimônia bilíngues introduzem brevemente cada uma dessas danças, fornecendo-lhe as informações que precisa para entender e apreciar plenamente o show. Intercalados às danças, há um total de 2 ou 3 solos vocais clássicos e, por vezes, instrumentais.

As produções do Shen Yun são inesquecíveis devido à sua combinação de música, dança com trajes deslumbrantes e lindos cenários dinâmicos, os quais contém algumas surpresas!

“Shen” significa divino ou divindade e “Yun” significa sentimento ou ritmo. Imagine seres maravilhosos descendo dos Céus e dançando diante dos seus olhos? Essa é a ideia.

Shen Yun significa: “A beleza da dança dos seres celestiais”. Parece mágico, certo? E é!

Você não precisa se preparar para ver o show. Na entrada, você receberá uma revista, com o programa do show, que contextualiza cada dança e garante que você possa acompanhar e aproveitar ao máximo o espetáculo. Um par de mestres de cerimônia introduzirá brevemente cada dança no palco e falará um pouco sobre a dança clássica chinesa, a composição de nossa orquestra única e outros aspectos ligados ao espetáculo e à cultura chinesa.

Contudo, se você quiser saber mais antes do show, nós lhe encorajamos a navegar em nosso website. A seção “Sobre” do website lhe dará uma boa visão geral do que esperar a respeito da incrível arte da dança clássica chinesa e da missão do Shen Yun. A seção “Descubra” é um maravilhoso e rico portal de informações sobre lendas antigas, personagens históricos, bem como dos figurinos e das dinastias apresentadas no show. É também uma ótima seção para revisitar depois do show e se aprofundar em tópicos que mais lhe interessam.

Sem dúvida. Na verdade, o show é adequado ao público de todos os locais em que atuamos. Cada apresentação é organizada por mestres de cerimônia que guiam a audiência ao longo do show e fornecem as informações necessárias para que você aproveite plenamente o espetáculo. Todos os textos das músicas são traduzidos no idioma local e aparecem na tela de projeção do cenário. Além disso, o programa do espetáculo contém informações que introduzem cada dança.

Além disso, o mais importante é: a dança e a música são linguagens universais que transcendem barreiras e limites culturais e linguísticos. Os principais temas abordados pelo Shen Yun são compaixão, coragem e esperança, os quais são igualmente universais. Se você gosta de trajes deslumbrantes, música harmoniosa, técnicas de dança de alto nível, histórias tocantes e lendas comoventes, então, você vai gostar do Shen Yun.

(Veja o que as pessoas de todo o mundo têm a dizer)

Cerca de duas horas, mais o intervalo.

Sim. Cada apresentação do Shen Yun é acompanhada por uma orquestra que combina de modo único instrumentos sinfônicos ocidentais com instrumentos tradicionais chineses como o erhu de duas cordas, o pipa dedilhado e vários instrumentos de percussão. A orquestra do Shen Yun é a primeira do mundo a incluir essas categorias de instrumentos como componentes permanentes. Ela fez o que muitos tentaram, mas não conseguiram: combinar duas tradições musicais distintas para criar um som harmonioso.

Começamos, em 2006, com apenas uma companhia de dança. Atualmente, o Shen Yun tem seis companhias, igualmente grandes, que viajam simultaneamente pelo mundo todo. Cada companhia tem aproximadamente 80 artistas: a maior parte é composta por bailarinos e músicos; a maioria são bailarinos e músicos; há ainda cantores, apresentadores e a equipe técnica que também compõe a companhia.

O Shen Yun está baseado em Nova York, já que o renascimento da cultura tradicional chinesa apenas pode ocorrer fora da China neste momento.

Isso porque o Partido Comunista Chinês, que está no poder nos últimos 70 anos, tenta sistematicamente erradicar a cultura tradicional chinesa e substituí-la por sua própria cultura. Campanhas como a Revolução Cultural, nas décadas  de 1960 e 1970, levaram a cultura tradicional chinesa, especialmente seu legado espiritual, à beira da extinção.

Contudo, em 2006, um grupo de artistas chineses de formação clássica, vindos do mundo tudo, se reuniram em Nova York unidos por uma visão e missão compartilhada: reviver a cultura tradicional chinesa através da arte performática. Muitos deles tinham carreiras muito bem estabelecidas ou faziam parte da elite das artes performáticas na China, mas perceberam que a verdadeira cultura tradicional não poderia ser revivida na China – não sob um regime comunista que passou décadas tentando destruí-la. Dessa forma, eles criaram o Shen Yun em Nova York, onde têm a liberdade de criar e se apresentar, de redescobrir um legado cultural perdido e compartilhá-lo com o mundo.

A maioria de nossos coreógrafos e compositores é da China, enquanto a maioria dos bailarinos é de etnia chinesa proveniente dos Estados Unidos, Canadá, Austrália, China, Taiwan e Japão. Nossos músicos também formam um conjunto cultural muito rico: além de artistas da China, alguns vêm dos EUA, outros da Alemanha, da Espanha, da Armênia, da Bulgária e de muitos outros países.

Ironicamente, embora o Shen Yun se apresente no mundo todo mostrando a cultura tradicional chinesa, ele não pode se apresentar na China. Não é só isso, não é possível ver um show como o do Shen Yun na China. O Shen Yun ficaria muito honrado em se apresentar na China, porém, o Partido Comunista Chinês não permitiria isso.

Claro, há inúmeros shows na China que parecem ser da cultura tradicional, porém, depois de décadas de campanhas políticas para erradicar a herança cultural chinesa, eles perderam sua essência. Uma das características que torna o Shen Yun único é, além de sua arte e beleza, ele honrar a essência espiritual da civilização chinesa – por exemplo, ideias como a harmonia entre o Céu, a Terra e a humanidade.

No entanto, é precisamente esse aspecto das tradições chinesas o alvo das tentativas de destruição do regime comunista. Ele vê o renascimento dessa cultura e o Shen Yun como uma ameaça e, por isso, impede que o Shen Yun se apresente na China.

Além disso, a equipe artística do Shen Yun acha que a arte não deve ser apenas para difundir beleza e cultura, mas também deve ter um lado humanitário.Todos os anos, o Shen Yun tem pelo menos uma dança que retrata um assunto altamente sensível sobre a China, o qual nenhum artista ousou tocar anteriormente – a história do Falun Gong (confira abaixo). Sentimos ser uma história importante, a qual vale a pena compartilhar; no entanto, essa é outra razão impeditiva de nos apresentarmos na China.

Enquanto isso, muitos chineses estão constantemente voando para Taipé, Tóquio, Los Angeles e outras cidades especificamente para assistir ao Shen Yun. Muitas pessoas expressaram em nosso site suas esperanças de que o Shen Yun se apresente na China em breve.

O Falun Dafa é conhecido também pelo nome Falun Gong. O Falun Dafa é uma prática que combina ensinamentos para o aperfeiçoamento pessoal com a prática de exercícios de meditação. Os ensinamentos estão centrados em três grandes princípios – verdade, compaixão e tolerância. Os artistas do Shen Yun praticam o Falun Dafa, o qual é uma fonte de inspiração para as nossas apresentações.

Seja na China ou no Ocidente, ao longo da história, sempre houve artistas que integraram a espiritualidade em seu trabalho. Na China antiga, os artistas praticavam meditação para alcançar a quietude interior e conectarem-se ao universo; eles acreditavam que para criar a verdadeira arte era preciso cultivar a virtude e a pureza interior. Hoje, aos artistas do Shen Yun seguem essa nobre tradição.

Talvez, você já tenha ouvido algo sobre a perseguição ao Falun Dafa na China atualmente. Ela começou em 1999, numa época em que dezenas de milhões de pessoaspodiam ser vistas praticando exercícios do Falun Dafa todas as manhãs em parques por toda a China. Porém, com medo da popularidade do Falun Dafa, que tem princípios próprios que não podem ser usados para fins de controle ideológico, o Partido Comunista Chinês lançou uma campanha de perseguição nacional para tentar erradicar o Falun Dafa. De fato, o número de praticantes do Falun Dafa havia excedido o de membros do Partido Comunista Chinês.

Mesmo suportando esses mais de 20 anos de prisões, torturas e assassinatos, esses buscadores espirituais continuam a resistir, sempre por meios não violentos, e a perseverar em sua fé. Inspirada nisso, a equipe artística do Shen Yun tem trazido essas histórias para os palcos ao redor do mundo. Percebemos que a coragem e a mensagem de esperança dessas pessoas têm comovido milhões de membros da audiência no mundo todo.

Há duas razões para isso. A primeira é que eles próprios praticam o Falun Dafa, uma disciplina com exercícios de meditação suaves e ensinamentos voltados ao aperfeiçoamento pessoal, da qual eles têm se beneficiado. Eles sentem que é algo que vale a pena compartilhar.

A segunda e mais importante razão é que pessoas boas da China, que se dedicam a essa disciplina, são brutalmente perseguidas. É verdade — se você for a um parque, sentar e praticar a meditação do Falun Dafa sob o atual regime comunista chinês, você será preso e possivelmente torturado ou até assassinado! É difícil de imaginar, mas pergunte a um amigo de um país que já foi comunista e ele será capaz de explicar isso.

Alguns dos artistas do Shen Yun também foram presos e até torturados, ou isso aconteceu aos seus familiares, apenas por praticarem o Falun Dafa na China. Alguns dos bailarinos que você vê no palco, dançando com alegria e paixão, perderam seus pais devido a torturas nos campos de detenção da China. Para eles, isso tudo é bastante real. Por isso, sentem que devem fazer algo para ajudar seus entes queridos e o povo da China.

Por um lado, tentamos garantir que todos os assentos abertos ao público tenham uma boa visão do palco e do cenário de fundo. Em segundo lugar, o Shen Yun é uma produção de grande escala. Cada uma de nossas companhias tem cerca de 80 integrantes, entrebailarinos, músicos da orquestra, cantores, apresentadores e a equipe de produção. Cada apresentação requer mais de 400 figurinos confeccionados à mão (produzidos em Nova York!). Sem mencionar a animação digital. Somos uma produção itinerante – tentamos levar o show a todos os cantos da Terra –, por isso, raramente ficamos em uma cidade por mais de alguns dias. Difere de um show que permanece em um mesmo lugar por semanas ou meses.

Além disso, criamos uma produção inteiramente nova a cada ano! Isso significa que nossas estreias mundiais, todos os anos, possuem novas coreografias e composições musicais, além de figurinos completamente originais, cenários digitais inéditos e muito mais. Se você pensar no número de artistas envolvidos nisso, tanto da área decriação e como os performáticos, você entenderá que é arte em uma escala como não há em nenhum outro lugar.

Aqui está outra forma de explicar isso, que ouvirmos de algumas pessoas da plateia: não há como comparar o Shen Yun com outras formas de entretenimento. Por exemplo, se você trouxer uma criança, compare o preço de um ingresso do Shen Yun com o que a criança teve de retorno em termos de educação, de enriquecimento cultural e artístico, de cultura saudável e das memórias criadas que ela levará por toda a vida. Outras pessoas expressaram que a energia edificante do show e o sentimento de esperança que ele deixa em você são de valor inestimável.

Nosso departamento de confecção produz milhares de trajes, adereços, sapatos, botas e vários acessórios a cada temporada. Os trajes de dança do Shen Yun baseiam-se principalmente em vestimentas tradicionais de diferentes dinastias da China, nos mais de 50 grupos minoritários que vivem na China e em ornamentos de divindades do folclore e da mitologia chinesa. Eles são, então, adaptados para se tornarem adequados para a performance da dança.

No processo criativo, os artistas que elaboram os trajes do Shen Yun pesquisam referências para numerosos tipos de trajes tradicionais. Do traje etéreo das donzelas celestiais, passando pelo do robe de dragão do imperador, até os delicados sapatos do tipo “vasos de flores”, cada roupa é confeccionada à mão no estado de Nova York e individualmente adaptada.

As composições musicais do Shen Yun são escritas especialmente para acompanhar as novas danças que são coreografadas e estreadas a cada ano. Obras vocais e instrumentais solo são compostas a cada ano.

O Shen Yun possui vários compositores dedicados, que compõem inspirados nos múltiplos estilos musicais que floresceram durante a longínqua história e as diversificadas culturas que formaram a China. Somado a isso, eles também compõem a partir de suas próprias inspirações interiores.

Cada peça é orquestrada em uma combinação perfeita de instrumentosclássicos do Oriente e do Ocidente e depois meticulosamente coordenadacom a coreografia e a projeção digital de cenário de fundo. A música ésempre interpretada ao vivo.

As danças, de curta duração, são como pequenos trechos da história chinesa. Elas podem retratar o milenar Imperador Amarelo, ou um conto moderno, assim como heróis, divindades ou empolgantes personagens que apareceram ao longo dos milênios de suas dinastias.

Uma característica única da civilização chinesa é a sua história registrada e transmitida ininterruptamente por cerca de 3.000 anos, às vezes em detalhes vívidos. Isso fornece ao Shen Yun uma fonte abundante de material, que permite reviver essa antiga cultura na atualidade do século XXI.

Esses “mini-dramas”, vividos em até 10 minutos, revivem lendas atemporais, heróis do passado, clássicos literários, paraísos celestiais e mais. Todas as danças incorporam e celebram as virtudes contidas na essência da civilização chinesa durante milhares de anos: lealdade, coragem, benevolência e misericórdia.

Não, os bailarinos do Shen Yun apresentam a dança clássica chinesa, juntamente com uma variedade de estilos tradicionais de dança étnica e folclórica chinesa.

Enquanto as raízes históricas do balé residem na cultura europeia, as raízes da dança clássica chinesa encontram-se na cultura tradicional chinesa. A dança clássica chinesa tem seu próprio treinamento sistemático e engloba muitos tipos de saltos, piruetas, giros e várias técnicas historicamente inexistentes no balé. É uma forma de dança tão antiga quanto a própria civilização chinesa e contém as tradições culturais profundas da China. Essa herança torna seus movimentos ricamente expressivos, de modo que a personalidade e os sentimentos sejam retratados com maior clareza.

Interpretar a dança clássica chinesa em sua forma mais pura é a marca artística do Shen Yun. Nenhuma outra companhia trouxe com sucesso a pura dança clássica chinesa para os palcos em todo o mundo, de fato!

(Aprenda as sete principais diferenças entre o balé e a dança clássica chinesa)

Curiosamente, a resposta a esta pergunta é o inverso do que você imagina! Não é que há acrobacias na dança clássica chinesa, em vez disso, o que você vê são técnicas da dança clássica chinesa nas acrobacias. Não só isso, ginastas olímpicos, especialmente em rotinas de solo, também tomaram emprestados movimentos da dança clássica chinesa. Como? À medida que a dança clássica chinesa se desenvolveu ao longo de milhares de anos, técnicas de giro no ar e de acrobacia floresceram como componentes importantes em seu estilo; posteriormente, essas técnicas foram sendo vistas na ginástica e na acrobacia.

Na década de 1970, vários ginastas chineses exibiram essas rotinas de alto nível em competições internacionais, apresentando-as ao mundo. Com o tempo, diferentes formas de artes performáticas adotaram essas técnicas: ginástica, acrobacia, animação de torcida e até mesmo o balé moderno são apenas alguns exemplos de artes que se valeram da dança clássica chinesa.

Então, quando você vir esses incríveis giros no ar sobre o palco, lembre-se: eles não são acrobacias, mas sim dança clássica chinesa.

Embora a performance não inclua artes marciais chinesas, a dança clássica chinesa e as artes marciais (kung fu ou wu shu) compartilham semelhanças.

Milhares de anos atrás, quando as artes marciais chinesas surgiram pela primeira vez, seus movimentos e técnicas influenciaram várias outras formas de arte antigas, incluindo a ópera e a dança. Alguns dos movimentos originalmente destinados ao combate foram transformados em um meio de entretenimento para ocasiões festivas informais e grandes celebrações imperiais. Com o tempo, as artes marciais e a dança clássica chinesa se transformaram em formas de arte separadas como as conhecidas hoje.

Por isso, nas apresentações do Shen Yun, você pode ver, não só movimentos semelhantes aos das artes marciais, como também notar armas tradicionais – bastões, lanças, espadas e afins – usadas tanto nas artes marciais como na dança chinesa.

(Saiba mais sobre as semelhanças e diferenças entre a dança clássica chinesa e o kung fu)

Todos os anos, o show do Shen Yun é completamente novo. O formato continua o mesmo, mas a coreografia, a música, as canções, os figurinos, os cenários e as histórias são todos novos.

Atualmente, temos seis companhias igualmente grandes que, simultaneamente, percorrem o mundo se apresentando.

planeje sua visita

A maioria dos teatros pede às pessoas para chegarem 30 minutos antes do horário de início. Você não vai querer perder a dança de abertura.

A audiência deve usar traje social ou esporte fino para o evento, como smoking, vestido de noite, terno com gravata ou blazer. Recomendamos usar algo que permita que você tenha a melhor aparência possível. Você está indo assistir a algo especial, então, por que não se vestir especialmente para a ocasião? Quem sabe, você queira tirar uma foto na frente do painel do Shen Yun no lobby do teatro e postá-la no Facebook ou no Instagram, sendo assim, você vai querer se assegurar de sair bem na foto.

Depois de comprar seus ingressos com sucesso, lógico! Quanto ao show, é costume aplaudir ao final de cada dança e depois que os mestres de cerimônia terminarem de apresentar as peças. É claro que, se houver um determinado aspecto do show que lhe emocionou ou lhe encantou, sinta-se à vontade para aplaudir no meio da peça (apresentações de solo vocais e instrumentais são exceção).
As famílias são uma grande parte do nosso público e, a cada ano, as crianças desfrutam da performance, sendo o Rei Macaco ou os pequenos monges travessos as suas peças favoritas. Mas, por favor, considere as outras pessoas no auditório: pense se seus filhos serão capazes de ficar sentados durante todo o espetáculo sem incomodar os outros. Considerando esse aspecto, os funcionários da maioria das casas de espetáculos não permitirão a entrada de crianças menores de quatro anos; e existem casas e apresentadores locais que exigirão que cada criança tenha pelo menos cinco ou seis anos de idade para participar. Você pode encontrar essas informações selecionando a sua cidade e, em seguida, verificando à direita, em “Mostrar informações”.
Desculpe-nos, mas não pode. “E um smartphone?”. Também não. “E um...”, não. Fotografias e gravações de qualquer natureza são estritamente proibidas. Mesmo sem flash, a fotografia e a gravação atrapalham nossos artistas – os bailarinos podem ver! Também interfere com outros membros da audiência que estão assistindo ao show. Além disso, é uma violação das leis de direitos autorais. As equipes do teatro e da segurança levam isso muito a sério.

Outras

Hoje em dia, os cambistas são um problema comum no mundo dos ingressos. Algumas pessoas compram ingressos diretamente do site oficial e os revendem, geralmente on-line, por mais que o dobro do preço original! Por favor, esteja ciente de que os ingressos vendidos através de sites ou entidades de terceiros podem NÃO ser validados e aceitos na hora do show. Além disso, como esses ingressos são revendidos acima do valor nominal, os revendedores poderão ter seus ingressos cancelados sem aviso prévio e não poderão comprar ingressos futuros.

Você pode encontrá-los na maioria dos lobbies dos teatros, tanto durante o intervalo, como antes e depois da apresentação. Você também pode comprar on-line no shop.shenyun.com.

 

Nós não vendemos DVDs de nossas apresentações. Acreditamos que o efeito de nosso espetáculo só pode ser sentido vivenciando a dança, os figurinos, os cenários e a orquestra ao vivo, fisicamente, no teatro.

O show ao vivo tem uma energia que nenhuma reprodução pode emular. Queremos que você aproveite a experiência do Shen Yun do modo como ele foi pensado – como prazer em todos os sentidos.

A boa notícia é que vendemos DVDs e CDs da Orquestra Sinfônica do Shen Yun. Estas são gravações ao vivo de concertos, em que a nossa orquestra sinfônica de 100 músicos executa os originais favoritos do Shen Yun, bem como obras clássicas que podem ser familiares para você. Esses DVDs estão disponíveis na Loja do Shen Yun.

Sim. Temos CDs e DVDs da Orquestra Sinfônica do Shen Yun com músicas originais das danças do show do Shen Yun, dos solos vocais e dos instrumentais da orquestra, bem como de obras-primas clássicas selecionadas. Esses CDs estão disponíveis na Loja do Shen Yun.

 

Nós temos um boletim informativo mensal. Está repleto de notícias, vídeos, reportagens e fotos; há também blogs,  entrevistas com artistas e vislumbres dos bastidores. Você pode subscrever-se aqui.
Esperamos que sim! Você pode conferir nossa página de Turnês & Ingressos para conhecer as cidades da turnê deste ano. Também temos um recurso “Avise me”, no qual você pode escolher sua cidade e se inscrever para receber avisos automáticos antecipados sobre possíveis shows. Você pode inscrever-se aqui para ser avisado.
Tem uma pergunta que não respondemos? Escreva-nos aqui.