Sobre >

    Nossa história

O Shen Yun atrai os melhores artistas de todo o mundo. Apaixonados pelas artes clássicas, eles se juntam ao Shen Yun em sua missão de reviver uma cultura que esteve quase perdida.

Esta é a nossa história

Em 2006, um grupo notável de artistas clássicos chineses se reuniram em Nova York com um desejo em comum: reviver a verdadeira e divinamente inspirada cultura da China e compartilhá-la com o mundo.

5000 ANOS
DE CIVILIZAÇÃO,
QUASE PERDIDOS

A CHINA JÁ FOI CONHECIDA como Shen Zhou − A Terra Divina. Esse nome significativo caracteriza um lugar onde divindades e mortais coexistiam; havia uma crença de que os deuses transmitiram uma rica cultura para as pessoas da Terra.

Por milhares de anos, o Budismo, o Taoismo e outras disciplinas espirituais estiveram no coração da sociedade. Era dito que a caligrafia, a música, a medicina, os trajes e muitas outras coisas foram transmitidas a partir dos Céus.

Infelizmente...

Em seus cerca de 70 anos de governo, o regime comunista tem considerado os valores tradicionais chineses — centrados na ideia da harmonia entre o Céu e a Terra — como uma ameaça à sua existência. E, por meio de campanhas sistemáticas como a Revolução Cultural, ele tem destruído crenças tradicionais e antigos tesouros — levando tradições de 5000 anos de existência à beira da extinção.

O Shen Yun hoje

COMPLETAMENTE INDEPENDENTE do regime chinês, o Shen Yun desfruta liberdade artística em Nova York, o que permite que agora tradições antigas sejam levadas aos palcos. O Shen Yun e sua missão atraíram artistas talentosos de todo o mundo; muitos artistas são vencedores de competições internacionais de dança, coreografia e música.

Meses de treinamento e preparação culminam a cada inverno numa turnê mundial do Shen Yun Performing Arts.
Todos os anos, fazemos turnês mais de 19 países, 150 cidades.
Seguindo a liderança assumida por alguns meios de comunicação e outras organizações, agora também estamos nos referindo ao coronavírus como "o vírus PCC", pois é a má gestão e acobertamento das informações pelo Partido Comunista Chinês que levou à pandemia global.